Drogaria com menu assinado pelo Chef Consultor João Hipólito

De estrela pop a ícone da moda: eis os looks destaque de Rihanna
22 de Fevereiro, 2023
De que forma é que o stress afeta o pavimento pélvico?
22 de Fevereiro, 2023

Drogaria com menu assinado pelo Chef Consultor João Hipólito

O restaurante Drogaria mantém a sua essência, de sabores contemporâneos com inspiração na gastronomia tradicional portuguesa, num encontro harmonioso entre a tradição e o presente, criado pelo chef consultor João Hipólito.

De sabores ricos e delicados, a carta do restaurante Drogaria reflete a experiência de João Hipólito, que alia o sabor da gastronomia tradicional portuguesa às melhores técnicas da alta gastronomia moderna, o que resulta numa combinação única de sabores.

Conhecido sobretudo pelo seu trabalho no Canadá, à frente do restaurante Ferreira Café, onde adquiriu grande notoriedade junto do público canadiano, o chef João Hipólito não esquece as suas raízes da Beira Baixa e imprime a marca da portugalidade nos pratos que apresenta.

“Inspiro-me muito nas viagens que faço e nas experiências que tenho tido fora de Portugal mas a minha base é a gastronomia tradicional portuguesa. Gosto muito de seguir as receitas da minha mãe e da minha avó e reinventá-las, trazendo-lhes modernidade e técnica. Essa foi uma das razões que me levou a abraçar o projeto do Drogaria como consultor, onde pude introduzir na carta pratos de inspiração na nossa tradição culinária, adequados a uma cozinha moderna e elaborada, à imagem deste restaurante”, refere João Hipólito.

Com os produtos como ponto de partida nas suas criações, o chef privilegia sobretudo a oferta nacional. “O peixe e o marisco em Portugal é de uma qualidade e frescura extraordinárias e é muito fácil encontrar uma boa oferta nos nossos mercados. Essa é uma das grandes vantagens de trabalhar no nosso país. O projeto do restaurante Drogaria permite-me ter acesso a esses produtos, bem como aos ingredientes sazonais. Nesta carta introduzi igualmente produtos de Inverno, como as castanhas, as carnes de caça ou os cogumelos, que fazem também a ligação à minha origem, à região de Castelo Branco, mais concretamente a São Vicente da Beira”, acrescenta.

O restaurante Drogaria mantém a sua essência, de sabores contemporâneos com inspiração na gastronomia tradicional portuguesa, num encontro harmonioso entre a tradição e o presente, criado pelo chef consultor João Hipólito.

Nesta carta facilmente se reconhece a inspiração nos pratos típicos da nossa gastronomia, como os croquetes de bacalhau com natas, o lírio dos Açores (escabeche, quinoa crocante e molho ponzu de citrinos do Algarve) ou uma tiborna de cogumelos da época com castanhas, queijo de Nisa e gema de ovo biológico. Estas são algumas das sugestões de entradas, que antecedem pratos como polvo na grelha, lasagna de caça ou presas de porco preto com castanhas de Trás-os-Montes, pêra Rocha e nabiças, entre outros.

Para os vegetarianos, a sugestão é um gnocchi de abóbora Hokkaido com requeijão, nozes caramelizadas e salva. Para finalizar, a tarde de framboesa (um ex-libris da Drogaria e que transita de cartas anteriores), mousse de chocolate, creme de arroz doce queimado ou gelado são as propostas que rematam a refeição.

À frente da cozinha diariamente está o chef João Caio, que garante os bons sabores temperados dos pratos do menu. Conterrâneo de João Hipólito, foi pelas mãos deste que chegou ao restaurante Drogaria, depois do chef consultor o ter convidado a rumar até ao Canadá e a trabalhar na sua cozinha em Montreal. Com apenas 24 anos, João Caio soma ainda no currículo passagens por Barcelona, Algarve e Covilhã, como a Taberna Laranjinha.

Apesar de ter experienciado cozinhas de diferentes origens, a sua ligação à terra e aos produtos, como a carne de caça, permitiu-lhe adquirir o gosto especial pela cozinha tradicional portuguesa. “Gosto muito de criar mas a minha paixão é sobretudo a comida de ‘conforto’. É no tempero e no foco nos produtos que me inspiro, para dar às pessoas algo mais do que uma refeição, que as deixem felizes e com boas memórias”, refere o chef João Caio.

O restaurante Drogaria é uma homenagem à Lisboa antiga, que nasce da vontade do proprietário Paulo Aguiar em voltar ao bairro onde cresceu e da sua paixão pela gastronomia. “A comida sempre foi uma paixão. Queria trazer um pouco da minha Lisboa para a mesa, mas de uma forma mais jovial e com pratos contemporâneos que retratem a atualidade da cidade”, afirma o proprietário.

Na divisa entre a encantadora Lapa e a Pampulha, longe da azáfama do centro da cidade, este “tesouro escondido” é uma proposta ímpar que funde o passado e o presente num espaço intimista. Inspirado nas vivências da sua infância no bairro onde cresceu, Paulo Aguiar foi buscar as memórias para transformar o espaço no seu restaurante de “sonho” – sofisticado e com o equilíbrio perfeito entre o antigo e o moderno, a lembrar a década de 30 e a Arte Nova, ou mesmo os anos 60, com os veludos a forrar os sofás e nos cortinados.

O espaço conta, também, com uma sala privada para 10 pessoas e uma esplanada, uma ótima opção para desfrutar das iguarias da cozinha e das happy hour nos dias quentes.

Lexus LC Cabrio NewWoman Portugal
Lexus LC Cabrio NewWoman Portugal
Lexus-LC-Cabrio_NewWomanPT_Leaderboard
Lexus-LC-Cabrio_NewWomanPT_Leaderboard