A primeira entrevista de Will Smith após incidente nos Óscares

Balenciaga usa crianças em campanha imprópria
30 de Novembro, 2022
Saiba onde provar o novo “Hambúrguer do Futuro”
30 de Novembro, 2022

A primeira entrevista de Will Smith após incidente nos Óscares

A entrevista é feita 8 meses depois do incidente nos Óscares, a 28 de março de 2022, onde Will Smith reagiu mal aos comentários do apresentador Chris Rock.

“Ganhaste um Óscar naquela noite e em simultâneo é um dos melhores dias da tua vida e um dos piores dias da tua vida”, foi assim que Trevor Noah introduziu o tema colado a Will Smith desde os Óscares: a bofetada que deu a Chris Rock depois deste ter feito piadas sobre o cabelo da mulher que sofre de alopécia.

No Talk Show, The Daily Show, Trevor Noah quis saber como tem sido a jornada desde aquele dia e Smith, que não parecia ter um discurso preparado, abriu-se e inclusive permitiu emocionar-se. “Foi uma noite horrível, como podes imaginar”, começou.

“Há muitas nuances e complexidades. Tu nunca sabes pelo que a outra pessoa está a passar. Por exemplo estás agora aqui nesta plateia e não sabes se a mãe de alguém morreu a semana passada, não sabes se alguém foi traído pelo parceiro, se o filho de alguém está doente, se alguém perdeu o trabalho. E eu estava a passar por algo naquela noite, embora isso não justifique o meu comportamento de forma alguma”, prosseguiu. “O que eu aprendi é que temos de ser bons uns para os outros”.

Smith, que recebeu o Óscar de melhor ator pela sua participação no filme “King Richard: Para Além do Jogo”, disse ainda que o que foi mais doloroso para si, após esbofetear o comediante Chris Rock, estava relacionado com a forma como afetou as pessoas do seu círculo pessoal. “Pessoas feridas, magoam pessoas”, respondeu.

O apresentador do Talk Show avaliou a atitude do ator usando como ponte o livro ‘Will’, de Will Smith, que conta o crescimento do ator rodeado sob o medo do conflito. “Para mim não estavamos a ver o verdadeiro Will Smith. Para mim parecia que te defendeste da coisa errada na hora errada”. E o ator concordou e completou: “Tudo aquilo borbulhou naquele momento. Era uma raiva que estava engarrafada há muito tempo”, disse, acrescentando que cresceu a ver o pai bater na mãe.

“Eu entendo como foi chocante para as pessoas”, rematou. O ator espera agora que o trabalho de produtores que continuam a apostar em si não fique manchado pela sua atitude, referindo-se ao novo filme ‘Emancipation’, onde assume o papel principal. “É uma obra-prima de Antoine Fuqua e a ideia de que podem ser negados por minha causa mata-me.”

Recorde-se que o thriller ‘Emancipation’ tem estreia marcada para 9 de dezembro na Apple TV+.

Aos 9:19 minutos, o apresentador Trevor Noah tocou no assunto dos Óscares
Lexus LC Cabrio NewWoman Portugal
Lexus LC Cabrio NewWoman Portugal
Lexus-LC-Cabrio_NewWomanPT_Leaderboard
Lexus-LC-Cabrio_NewWomanPT_Leaderboard